ONG Risonhos


  • Novo Tópico
  • Responder ao tópico

Diário cantante do Grilo Cambota

Compartilhe

João_Grande
Animador de Festa
Animador de Festa

Mensagens : 65
Data de inscrição : 06/04/2015
Idade : 28

Diário cantante do Grilo Cambota

Mensagem por João_Grande em Dom 28 Fev 2016 - 1:18

O primeiro ato! Smile

O meu primeiro ato, foi um ato assistido!
Como o de muitas pessoas que entraram para um mundo mais RiSonho!

Fazia muito tempo que queria entrar em um trabalho voluntário que pudesse fazer esse tipo de coisa, me vestir de palhaço e me esforçar pra fazer alguém rir...

O dia antes do ato me parecia muito demorado, até fui dormir mais cedo, queria estar preparado! Definitivamente eu estava muito perto de realizar um sonho que havia negligenciado desde quando vi o filme Patch Adams, uns 10 anos atrás, eu acho.

Beleza, chegou o dia do ato, eu tava nervoso que só a mulesta! Eu, ia ler o fórum, ia ver meus e-mails. Um frio na barriga do tamanho do mundo que parecia que só tinha começo e meio... Me fazia arrumar as coisas mais rápido pra poder ir logo para aquele hospital e ver logo como era isso... Se era tão legal mesmo como eu pensava... Eu ligava pra um, ligava pra outro e nada de ninguém atender os telefones!

Sei que teve um que atendeu e era logo o presidente da ONG, e suas palavras foram: "Jovem, padawan, pequeno garfanho, quer dizer, desculpa, pequeno Grilo, se um dia as coisas da sua vida pararem de te dar esse frio na barriga está na hora de você deixar de fazê-las, parabéns, vai lá!"

Eu fui, quando cheguei lá, já havia umas pessoas presentes, acompanhei toda a preparação. Entramos em um quarto pequeno do IJF, eles fizeram as maquiagens e vestiram as roupas com muita agilidade foi feito um pré-ato e dadas as recomendações de onde iriamos passar e o que seria visto pelo caminho.
Depois disso feita uma oração para que tudo no ato fosse de boa e então a gente saiu!

A percepção que eu tinha era que os palhaços pareciam uma espécie de super-heróis daquele lugar! Nos dirigimos a ala das crianças, subimos alguns lances de escadas e logo chegamos, quando a gente chegou lá, rolou uma higienização antes, foi perguntado algumas coisas para as enfermeiras e em seguida, começou a missão! Smile

A primeira foi logo o quê, um menino pequeno, chorando fazendo um acesso no pescoço! (nunca vou esquecer disso)... A Inspirando momentos (titeneninha) foi lá com gosto de gás, brincou com ele, até tirar a atenção dele do acesso e foi quando ele cessou as lágrimas... Oooooh! Foi muito pra mim, naquele momento a lágrima que não escorreu no rosto dele escorreu no meu! Foi muito massa... Já tive aí a minha primeira referência de palhaçaria, sério, pra mim aquela foi uma cena de heroísmo!

Seguindo o ato, até fui chamado pra participar de algumas brincadeiras, fiz a mágica dos dedos... Essa ninguém sabe e eu só faço em ocasiões especiais... porque, ela é uma mágica especial, pra gente especial!
Passamos bastante tempo ali na ala infantil, até que precisamos sair para pegar nosso trem, eu já me sentia parte da bagaça!

Ainda passamos na ala dos idosos, estava acontecendo na ala masculina uma bagunça organizada sem precedentes! kkk
Enquanto ao meu lado à esquerda da porta havia um senhor já muito cansado, que quando viu a mulher dele, ou "minha véa" como ele mesmo disse, ele estendeu a mão pra tentar segurar a mão dela e ela muito nervosa pelo estado dele, fez o mesmo, por pouco não conseguiram alcançar a mão um do outro enquanto ela foi sentada em uma cadeira para tentar ficar mais tranquila. Em seguida quando olhei para os entes, filhos e netos, haviam vários ali, todos estavam com um rosto de tensão.

De repente chegou uns dois palhaços pedindo: "FAZ AÍ A CARETA MAIS FEIA, VAI!" Todo mundo deu um risinho de leve, mas foi quando o senhor que estava deitado se entregou à comédia que todo mundo se abriu, ficou todo mundo leve e depois disso a "véa do homi" foi pra perto dele e eles começaram a conversar mais tranquilamente! Smile

Depois disso fomos para a ala feminina e mais bagunça! \o/

Finalmente pós-ato, os palhaços trocaram as roupas rapidinho e já seguimos para o pós-ato, cada um falou um pouco do que vivenciou lá e depois, casa!

Foi muito massa! Obrigado por ter lido até aqui.
Em breve tem mais!

  • Novo Tópico
  • Responder ao tópico

Data/hora atual: Seg 20 Fev 2017 - 1:03